quarta-feira, 16 de maio de 2018

Livro: Experiências exitosas da Rede UNA-SUS

 

Capítulo: “Desafios e soluções tecnológicas da UNA-SUS/UEA na qualificação dos profissionais de saúde da Região Amazônica”

Ano: 2017

Editora: Editora da Universidade Federal do Maranhão – EDUFMA

O livro apresenta relatos das experiências no uso de tecnologias educacionais na educação em saúde por parte do Sistema UNA-SUS, para a produção de cursos à distância e qualificação de trabalhadores da saúde. Entre elas, destaca-se a parceria firmada com a UEA, que resultou na UNA-SUS Amazônia.

Criada em 2001, a Universidade do Estado do Amazonas (UEA) é a maior universidade multicampi do Brasil, estando presente em todos os municípios do Amazonas. Apesar dessa característica favorável, a UEA vem, ao longo dos anos, trabalhando na interiorização do aprendizado e aproximação entre os professores e alunos, usando metodologia presencial mediada por tecnologia, pois o acesso à maioria dos municípios ocorre por rios que compõem a Bacia Amazônica. Em 2013, a UEA passou a integrar a Rede UNA-SUS para promover a qualificação continuada dos profissionais de saúde que atendem, principalmente, a população ribeirinha e de comunidades remotas e áreas indígenas. Para superar o desafio da conectividade nessas regiões, em 2016 a UEA estabeleceu o Projeto UNA-SUS Amazônia, financiado com recursos da Lei de Informática (Lei nº 8.248/1991), para desenvolver soluções tecnológicas que viabilizem a educação a distância no âmbito do Sistema UNA-SUS. Esse projeto utiliza e desenvolve tecnologias educacionais que operam sem a necessidade de conexão permanente com a internet e funcionam em dispositivos móveis com sistema operacional Android. O Centro de Pesquisa e Desenvolvimento UNA-SUS Amazônia, além de desenvolver soluções, realiza pesquisas e treinamentos em áreas relativas ao uso da tecnologia na educação a distância.

Download do  livro completo

Download do capítulo “Desafios e soluções tecnológicas da UNA-SUS/UEA na qualificação dos profissionais de saúde da Região Amazônica”